Terremotos seguidos atingem a Indonésia e há risco de tsunami

.

Um novo forte terremoto de magnitude 8,2 atingiu nesta quarta-feira (11) a costa da ilha de Sumatra, na Indonésia, cerca de duas horas depois de um primeiro tremor de 8,6 ter atingido a mesma região e provocado pânico nos moradores das zonas costeiras.

O tremor secundário foi localizado a 16 quilômetros de profundidade, considerado raso, segundo o Serviço Geológico dos EUA, que monitora tremores, e às 16h43 locais (7h43 de Brasília).

Após o segundo tremor, as autoridades indonésias emitiram um alerta de tsunami (possibilidade de formação de ondas gigantes com potencial destrutivo quando chegam ao litoral) que vale por pelo menos duas horas.

O primeiro tremor gerou um tsunami de 17 centímetros no Oceano Índico. A onda está se dirigindo para a província indonésia de Banda Aceh, segundo o Centro de Alertas de Tsunami do Pacífico, dos EUA.

Victor Sardina, geofísico da agência americana baseada no Havaí, disse que não há previsão para a chegada da onda na costa.

“Não parece um tsunami grande”, disse. “Mas nós ainda não estamos monitorando, pois os tsunamis vêm em ondas.”

Mulheres se abraçam em Banda Aceh logo após a notícia do terremoto e do alerta de tsunami nesta quarta-feira (11) (Foto: AFP)Mulheres se abraçam em Banda Aceh logo após a notícia do terremoto e do alerta de tsunami

Pouco antes, o presidente da Indonésia havia afirmado que não houve relatos de vítimas ou danos.

O primeiro tremor levou o Centro Americano de Vigilância de Tsunamis no Pacífico decretou o estado de alerta para todo o Oceano Índico.

Alertas locais de formação de ondas gigantes foram dados em pelo menos cinco países, como Índia e Indonésia.

Moradores da costa de Banda Aceh correm logo após a notícia do terremoto nesta quarta-feira (11) (Foto: AFP)Moradores da costa de Banda Aceh correm logo após a notícia do terremoto nesta quarta (11)

O primeiro abalo ocorreu às 8h38 GMT (5h38 de Brasília), a 22,9 km de profundidade e 434 km a sudoeste da cidade de Banda Aceh.

Retirada de moradores
O primeiro tremor foi sentido por cerca de 5 minutos, explicou um jornalista da France Presse em Banda Aceh.

O primeiro abalo levou a agência de prevenção de desastres da Tailândia a dar alerta de tsunami e mandou que moradores de seis províncias costeiras fossem para locais mais altos. O aeroporto da ilha de Phuket foi fechado por precaução.

A agência de desastres da Indonésia afirmou que a eletricidade foi cortada em Aceh e que as pessoas estavam se reunindo em terrenos elevados em meio a sirenes de alerta de perigo.

“A eletricidade foi cortada, há engarrafamentos para acesso a terrenos elevados. Sirenes estão tocando em todos os lugares”, disse um porta-voz da agência.

A Índia chegou a lançar um alerta de tsunami para as ilhas Andaman e Nicobar. O Sri Lanka também lançou um alerta para toda a ilha.

Tsunami de 2004
A ilha de Sumatra, situada ao nordeste do arquipélago indonésio, já havia registrado um tremor de magnitude 9,3, que provocou um tsunami e deixou mais de 22 mil mortos em uma dezena de países do sudeste da Ásia em 2004.

.